quinta-feira, 6 de abril de 2017

Olga, a sexóloga: RAZÃO


DESCRIÇÃO:
1. Olga está digitando furiosamente ao computador: textão, textão textão.

2. Olga: Droga!
3. Namorado: O que foi?

4. Olga com os olhos fumegantes: Odeio quando não tenho a razão.

Nenhum comentário: